Blitz educativa e caminhada marcam o dia de Combate ao Abuso e a Exploração Sexual Infantil em Extremoz

A Secretaria Municipal de Trabalho e Assistência Social realizou nesta sexta-feira, 18, uma programação alusiva ao “Dia Nacional de Combate ao Abuso e à Exploração Sexual de Crianças e Adolescentes”.

Pela manhã, a equipe da SEMTAS organizou uma Blitz Educativa no Centro de Extremoz, Visando a conscientização de motoristas e pedestres acerca da grave violência que deixa marcas irreversíveis na criança e adolescente, afetando seu desenvolvimento saudável.

E a tarde, uma Caminhada pelas ruas do Centro da cidade mobilizou a comunidade sobre a importância do tema. Durante a caminhada teve distribuição de folders com informações sobre como combater o abuso e a exploração sexual de criança e adolescentes a toda população que acompanharam e assistiram o evento.

“A intenção é destacar a data para mobilizar e convocar toda a sociedade a participar dessa luta de prevenção e combate à violência sexual contra crianças e adolescentes, pois ninguém está livre de ser atingido por essa situação. É preciso formar uma consciência nacional para denunciar e romper com esse ciclo de violência e proteger meninas, meninos”, enfatizou o prefeito Joaz Oliveira.











18 de maio

O dia 18 maio foi escolhido em razão da história de Araceli Cabrera Sanches, morta em 1973, aos 8 anos de idade. Araceli foi sequestrada, drogada, espancada, estuprada e morta por membros de uma tradicional família do Espírito do Santo. Seu corpo foi encontrado seis dias depois, desfigurado por ácido. Os agressores jamais foram condenados.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *