Serviços O conteúdo desse portal pode ser acessível em Libras usando o VLibras
Proposta de Extremoz irá para a Conferência Nacional de Vigilância em Saúde – Prefeitura de Extremoz

Proposta de Extremoz irá para a Conferência Nacional de Vigilância em Saúde

Uma proposta elaborada durante a Conferência Municipal de Vigilância em Saúde de Extremoz, realizada em setembro passado, será encaminhada à etapa nacional do evento, que será de 21 de novembro a 01 de dezembro, em Brasília. A definição veio durante a 1ª Conferência Estadual de Vigilância em Saúde (CEVS), que foi finalizada na última quarta-feira (25), no Praiamar Hotel, em Ponta Negra e teve como tema central “Direito, Conquistas e Defesa de um SUS Público de Qualidade”.

Para a Conferência estadual em Natal foram encaminhados de Extremoz seis delegados, sendo dois profissionais de saúde, três representantes dos usuários e um representante da gestão municipal. Dos seis, quatro fazem parte do Conselho Municipal de Saúde.

Na 1ª Conferência Nacional de Vigilância em Saúde (CNVS), em novembro, o Rio Grande do Norte levará 12 propostas elaboradas no Estado, sendo uma delas a que foi discutida em Extremoz. A proposta elaborada pelo município é “Garantir a manutenção dos blocos de financiamento descentralizados e principalmente para as ações de Vigilância em Saúde”, sendo ela a mais votada, com 178 votos.

Uma das representantes de Extremoz na conferência estadual, Maria Isabel de Sales, falou sobre a experiência de participar do evento. Ela esteve como representante do segmento dos usuários. “Foi uma experiência nova para mim e nós precisamos ir à luta em defesa de um SUS de qualidade. O mérito não foi só meu, foi de uma equipe que faz esse Conselho e para a etapa nacional é mais importante ainda participarmos, pois vamos defender a nossa proposta que foi aceita na conferência estadual”, afirma.

A auditora fiscal de vigilância sanitária em Extremoz, Kallyanna Macedo, explica o significado da proposta criada em Extremoz. “Quando o Ministério da Saúde mandar um recurso para a Vigilância em Saúde, por exemplo, já vai mandar cotado, de modo que ele só possa ser gasto dentro da Vigilância. Então significa ter essa garantia de que o dinheiro venha dividido e que seja gasto naquilo que foi proposto”, explica.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *